Follow Us

top social

top navigation

Instagram

recent posts

Press

Flickr Images

Like us on Facebook

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Assassina

Cheguei. Já era noite, mas pude matar saudades do meu mundo entre as quatro paredes do meu quarto. Já tinha saudades daquilo que me pertence. Daquilo que é meu realmente. Matei saudades dos papás, da irmã. Matei saudades de tudo. Matei. Sou uma assassina!

18 comentários:

  1. tão bom estar rodeada daquilo que tanto amamos.

    ResponderEliminar
  2. É tão bom poder matar as saudades daqueles que nos são mais especiais *-*

    Em relaçao ao meu post...
    Obrigada e ainda bem que gostas-te P' :)

    ResponderEliminar
  3. quem não sofre por causa daquilo ? é inevitável.
    era uma experiência tão gira. pode ser que um dia tenhamos essa sorte (I hope so) *-*

    também podes fazer o desafio, se quiseres (:

    ResponderEliminar
  4. talvez um dia, talvez.
    como te chamas ? (':

    ResponderEliminar
  5. és uma assassina que não merece ser condenada :)

    ResponderEliminar
  6. bem nao te posso confirmar , mas que tento sorrir , sim tento e faço-o (:

    ResponderEliminar
  7. que fofinho :3
    chamo-me Catarina, mas podes tratar-me por Cath.

    ResponderEliminar
  8. Oh :') É bom e muito reconfortante estarmos com quem amamos. Beijinho

    ResponderEliminar

"Nada me prende a nada.
Quero cinquenta coisas ao mesmo tempo."